Novo artigo: Um Modelo Ontológico Probabilístico para Assistir Pessoas com Declínio Cognitivo

Autores: Gabriel Machado Lunardi, Guilherme Medeiros Machado, Alencar Machado, José Palazzo M. de Oliveira

Resumo: Fornecer lembretes a um idoso, enquanto realiza suas atividades diárias, é uma atividade de suporte ao usuário e, portanto, um tópico relevante na área de Ambientes de Vivência Assistida. Determinar tais lembretes implica na tomada de decisões, uma vez que o fluxo das ações (comportamento) de uma atividade geralmente envolve ramificações. Um sistema automatizado precisa decidir qual das próximas ações é a melhor para o usuário em determinada situação. Problemas dessa natureza envolvem níveis de incerteza que precisam ser tratados. Muitas abordagens para esse problema exploram apenas dados estatísticos, ignorando tecnologias semânticas importantes, como, por exemplo, a utilização de ontologias. Apesar de importantes, as ontologias não suportam, de forma nativa, o raciocínio sobre a incerteza. Por isso, neste artigo é apresentado um modelo ontológico, com uma extensão probabilística, que permite raciocinar sobre a incerteza sem perder informação semântica. Esse modelo é avaliado por meio de um estudo de caso no qual demonstra-se uma instanciação com dados reais.

ONTOBRAS 2018, Proceedings of the XI Seminar on Ontology Research in Brazil, São Paulo, Brazil, October 1st-3rd, 2018. Edited by: Joel Luís Carbonera, Giancarlo Guizzardi, Sandro Rama Fiorini, Mara Abel, Vol-2228, ISSN 1613-0073, p. 185-196 – http://ceur-ws.org/Vol-2228/paper13.pdf